Roteiro de aulas

Alterações Bucais Não Patológicas

  1. São todas as alterações que se diferem do padrão de
    normalidade e não são doença.


    GRÂNULOS DE FORDYE:
    São glândulas sebáceas ectópicas(que estão fora do seu local original). Tem coloração amarelada, é de forma nodular e podem estar presentes em qualquer região da cavidade bucal porém acomete com maior frequencia a mucosa jugal. Normalmente são bilaterais. Sua prevalência é em pessoas de idade mais avançada. Não tem tratamento pois não é uma patologia. Em casos estéticos pode ser usado o laser para remoção dos grânulos. Não há recidiva.

    PIGMENTAÇÃO RACIAL/PIGMENTAÇÃO MELÂNICA/MELANOPLAQUIA OU
    MELANOSE RACIAL:

    Apresentam-se manchas na cavidade bucal devido a raça do paciente. Na maioria das vezes acomete a gengiva inserida. Sua particularidade é ser simétrica e bilateral. Não necessita de tratamento, porém pode ser removido com laser ou bisturi elétrico em casos estéticos. Não tem recidiva. Apesar de ser uma alteração que ocorre frequentemente pessoas da raça negra pode acometer pessoas de raça branca.

    TOROS E EXOSTOSES: Podem ser definidos como cresciementos ósseos de tecido ósseo normal que acomete a cavidade bucal.

    Podem ser:
    Toros Palatino: localiza-se na região da rafe palatina mediana. É geralmente bilateral.
    Toros Mndibular: localiza-se na face lingual da mandíbula na região de pré molares inferiores.Também é bilateral.
    Exostoses: são os toros em qualquer outra região óssea da cavidade bucal. Não é necessária a remoção, a não ser em casos protéticos.

    LÍNGUA SABURROSA:(OU PILOSA) é um crescimento exagerado das papilas filiformes da língua; conforme as papilas vão se descamando se não há ingestão de alimentos sólidos e boa higienização acumulam-se as camadas descamadas formando a língua saburrosa. Os tratamentos indicados são escovação da língua e raspador lingual.

    LÍNGUA FISSURADA: é uma língua com muitas fissuras. Podem sair da linha central em direção as bordas linguais ou estarem dispersas pela língua. É uma anomalia de desenvolvimento. Geralmente o paciente sente ardência na língua e mal hálito pelo acúmulo de alimentos entre as fissuras. Não há tratamento específico, apenas pode ser feita a limpeza com cotonetes e antisséptico bucal.

    LÍNGUA GEOGRÁFICA: (GLOSSITE MIGRATÓRIA BENÍGNA) é uma alteração de fundo psicossomático(stress). Não requer
    tratamento e desaparece espontaneamente. Somente recomenda-se evitar a ingestão de alimentos cítricos e condimentados. A língua fica despapilada e há dificuldade na escovação podendo causar um processo inicial de língua saburrosa.

    GLOSSITE ROMBÓIDE MEDIANA: é um crescimento tecidual localizado na linha média da língua imediatamente à frente do
    Foramen Cego. É um tecido em excesso à partir do processo de fusão dos processos embriológicos linguais como: Tubérculo Ímpar, Papilas Valadas e Metades Laterais da língua. Só há necessidade cirúrgica quando está causando grande acúmulo de alimentos.

    ANQUILOGLOSSIA: é quando o freio lingual é curto. O tratamento cirúrgico só é recomendado quando causa algum dano
    à saúde geral do paciente(ex: dificulade de fonação, dificuldade de se alimentar). Frequentemente esses pacientes tem problemas gástricos pela dificuldade de ingestão dos alimentos, portanto dificuldade de digestão satisfatória.

    Roteiro elaborado pela monitora Aline Mayer dos Santos – 3ºM